Quando abandonar uma série

Tão frustrante quanto não conseguir escolher uma série para começar a assistir é tomar a decisão de deixar de assisti-la após alguns episódios

Quem sou eu para querer usar o valioso espaço do PPS para disseminar a controversa arte do charlatanismo com habilitação em adivinhação, já condenada em diversas culturas, mas vou enfrentar essa cruzada e arriscar meu pescoço com nossa estimada editora ao fazer uma espécie de afirmação mediúnica. Parem as máquinas!


Você por várias vezes começou uma série, assistiu dois, talvez três episódios e desistiu de continuar! 



Vai lá, pode admitir. Não se acanhe.

Isso é a coisa mais normal do mundo, principalmente agora que a Netflix oferece uma quantidade enorme de opções. E como não poderia deixar de ser, onde a demanda é alta tem muita coisa ruim no meio também. Na verdade, o emprego do adjetivo "ruim" talvez nem seja o mais adequado, afinal trata-se de um conceito subjetivo. O que é ruim para você pode não ser para mim.

Mas o fato é que isso acontece. Geralmente escolhemos o que assistir seguindo critérios pré-estabelecidos que vão ao encontro do que mais tem a ver com o nosso gosto e usamos nossas experiências para determinar ou ao menos supor que determinada série será de nosso agrado. O grande problema é que nem sempre isso funciona assim tão bem e as produções nos decepcionam.

Recentemente passei por tal situação. Comecei a assistir a série o Nevoeiro, que inclusive tem resenha no blog e você pode ler aqui. Dei o play no primeiro episódio amarradão achando que iria me dar bem. Infelizmente não foi isso que aconteceu.

Achei a série demasiadamente parada, com personagens pouco convincentes e atuações piores ainda. Forcei-me ao máximo a continuar até me dar conta de que estava apenas perdendo meu tempo e resolvi dar um bico nessa parada de neblina do mal. Tal qual um capitão de quinta categoria, abandonei o barco após 4 ou 5 episódios.


Eu geralmente não desisto de assistir antes do quarto episódio. Muita série não emplaca desde o começo e merece um voto de confiança. Isso já ocorreu comigo com The Good Place, falei sobre ela em um post aqui no PPS também e se quiser da uma conferida vou deixar o link aqui. Resolvi não abandona-la e a partir do quarto episódio ela embalou e se tornou uma das minhas favoritas.

Enfim, temos que saber que nem sempre uma série vai ser boa o bastante para assistirmos a temporada toda, principalmente aquelas com episódios de 45 minutos. E realmente tem casos onde acredito que não vale a pena continuar. Por outro lado outras sim, mas isso cada um vai saber identificar o momento certo e qual caminho seguir.



Assim como você decidiu ler esse texto até aqui e tomara que tenha gostado, o mesmo também pode acontecer com uma série. 

2 comentários

  1. Sem contar aquelas séries que você gosta, mas não encontra um desfecho e fica caminhando infinitamente por várias temporadas não tão interessantes como as primeiras. Aí vale a reflexão de uma desistência !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim...realmente são várias desse tipo mesmo, manter o nível da temporadas é um desafio. Ou então a série não emplaca e nem conclusão tem. Falamos sobre isso nesse post aqui: http://www.pausaparaserie.com.br/2017/12/5-series-canceladas-sem-conclusao.html

      Abraços!

      Excluir